| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

VibraCenter - Terapias Complementares
Desde: 22/09/2016      Publicadas: 2      Atualização: 12/10/2016
Capa |  ARTIGOS


 ARTIGOS
  12/10/2016
  0 comentário(s)


JUSTIFICATIVA DO PROJETO SUGAHARA
Projeto Sugahara é o nome de um sistema de informações para uso pessoal de terapeutas de qualquer especialidade que estejam dispostos a complementar o seu trabalho com técnicas não invasivas de auxílio ao equilíbrio de pessoas que estejam em situação de fragilidade ou desequilíbrio corporal, emocional, psíquico ou mental.
JUSTIFICATIVA DO PROJETO SUGAHARAProjeto Sugahara é o nome de um sistema de informações para uso pessoal de terapeutas de qualquer especialidade que estejam dispostos a complementar o seu trabalho com técnicas não invasivas de auxílio ao equilíbrio de pessoas que estejam em situação de fragilidade ou desequilíbrio corporal, emocional, psíquico ou mental.
"
Por se tratar de um sistema, o Projeto Sugahara estará em constante desenvolvimento, e será apresentado em versões que possam ser portadas em um telefone celular, com autonomia em relação a alguns softwares necessários para o uso.

Por se tratar de um sistema, o Projeto Sugahara estará em constante desenvolvimento, e será apresentado em versões que possam ser portadas em um telefone celular, com autonomia em relação a alguns softwares necessários para o uso.

Uma ligeira visão do interior do corpo humano revela a grande complexidade formada por estruturas como ossos, músculos, nervos, artérias, órgãos etc. como pode ser visto no link abaixo:
https://zygotebody.com/nowebgl

Assim, pode ser visto que colocando a mão em algum lugar do corpo várias coisas existirão sob a superfície da pele, coisas que poderão ser alcançadas por alguma ação invasiva ou não de técnicas conhecidas como massagem, acupuntura, ultrassom e outras, contando também as técnicas que lidam com energias mais sutis chamadas de toques ou passes.
"
É razoável pensar que ao aplicar alguma ação, frequência ou vibração em algum lugar do corpo humano mais de uma estrutura possa ser alcançada pela aplicação da energia que lhe é própria, propiciando que, por exemplo, durante uma ação no sistema linfático sejam alcançados alguns pontos de outros sistemas como o simpático e o nervoso central, ou que ouvir uma música ou ficar exposto a uma luz possa produzir resultados benéficos.

Outras energias são consideradas como parte do Projeto Sugahara, tais como a energia lumininosa na forma de cromoterapia e a energia sonora na forma da musicoterapia, sendo desejáveis as habilidades extra-sensoriais de terapeutas que se valem de energias mentais, cósmicas ou espirituais, dado que a ciência já vem reconhecendo como benéfica a afinidade entre o cliente e o terapeuta.
"
Desenvolvido para utilização individual dos membros do grupo, as fontes de referência estarão em arquivos do projeto, as quais, por questões práticas nem sempre estão citadas nas conclusões (textos, diagramas etc.), exceto ocasionalmente ou quando se tratar de produção de cunho científico.

O Projeto Sugahara fundamenta-se nas seguintes premissas:
1. Ampliar o alcance da terapia praticada utilizando as mesmas técnicas com o minimo de alterações e sem aumentar o tempo de sessão recomendada.
2. Permitir ao terapeuta melhorar sua sensibilidade para os diagnósticos sem aparelhos.
3. Qualificar o terapeuta para o uso de energias sutís.
4. Qualificar o terapeuta para o uso complementar de aparelhos eletrônicos na musicoterapia, cromoterapia e vibroterapia, de mais baixo custo e mais fácil aquisição.

As informações do Projeto Sugahara são de natureza complementar e não indicam que o terapeuta substitua suas práticas por outras, e a aplicação sempre dependerá de autorização do paciente, exceto quando incorporadas ao ambiente clínico como no caso de iluminação, pintura das paredes, decoração, música ambiental e correlatos.
As informações do Projeto Sugahara são de natureza complementar e não indicam que o terapeuta substitua suas práticas por outras, e a aplicação sempre dependerá de autorização do paciente, exceto quando incorporadas ao ambiente clínico como no caso de iluminação, pintura das paredes, decoração, música ambiental e correlatos.
Justificativa do Projeto
  Web site: vibra.center  Autor: Serrano Neves


  Mais notícias da seção Projeto Sugahara no caderno ARTIGOS
12/10/2016 - Projeto Sugahara - A MEDICINA DA ACUPUNTURA
Acontece, meus caros leitores, que a Acupuntura, conquanto prática milenar adotada pela medicina não tem fundamentos em nenhuma estrutura anatômica, ou seja, um meridiano ou um ponto de acupuntura é uma entidade eletromagnética....


Capa |  ARTIGOS
Busca em

  
2 Notícias